Obras

Ibaneis assina ordem para construção de escola pública no Mangueiral

O Centro Educacional Mangueiral terá cerca de 1.300 alunos em dois turnos e a previsão de entrega é para setembro de 2023. GDF também autorizou ordens para reformar vias do Jardim Botânico

Thaís Moura
postado em 13/05/2022 14:59
Espaço onde será construída a unidade de ensino no Jardim Mangueiral -  (crédito: Thaís Moura/CB/D.A. Press)
Espaço onde será construída a unidade de ensino no Jardim Mangueiral - (crédito: Thaís Moura/CB/D.A. Press)

O governador Ibaneis Rocha (MDB) assinou, nesta sexta-feira (13/05), a ordem de serviço para dar início à construção de uma escola pública no Jardim Mangueiral. Essa será a primeira escola pública de ensino médio da região. Com investimento aproximado de R$ 11,9 milhões, o Centro Educacional Mangueiral terá cerca de 1.300 alunos em dois turnos, com 18 salas, e a previsão de entrega é para setembro de 2023. Nesta manhã, o governo local também assinou ordens para implantação da coleta seletiva de lixo na região do Mangueiral, para restauração da DF-463 e para pavimentação e drenagem da Rua Caminho da Mata, do Jardim Botânico.

"Já entregamos, aqui no Jardins Mangueiral, uma Unidade Básica de Saúde (UBS) e, agora, estamos investindo na educação dessa região", disse o governador do DF, durante a assinatura da ordem que deu início às obras da escola. Na ocasião, Ibaneis também lembrou que o governo local planeja construir, no total, quatro escolas públicas no Mangueiral até o fim de 2023. "Estamos complementando o que a população precisa. Foi criado o bairro do Mangueiral, onde milhares de pessoas residem, mas não havia nenhum tipo de infraestrutura", acrescentou.

De acordo com o secretário-executivo da Secretaria de Educação, Isaias Aparecido, aproximadamente 543 profissionais de educação moram no Jardim Mangueiral e poderão ser beneficiados com as obras. "Hoje´, temos 543 profissionais da educação que moram na região, e eles vão poder sair de casa e vir trabalhar na própria região deles. Vão ter tranquilidade para chegar rapidamente em casa e no trabalho, vão ter mais qualidade de vida."

Além da obra iniciada hoje, a Secretaria de Educação prevê que outros três centros educacionais serão construídos no Mangueiral até o fim de 2023. Ainda haverá uma Escola Classe, uma de ensino fundamental e uma creche, totalizando 62 salas de aula com capacidade para aproximadamente 3.800 estudantes. O investimento em todo o complexo educacional da região será de R$ 37 milhões. "As outras escolas que planejamos já foram licitadas, mas ainda estamos assinando contratos para definir o prazo de entrega. Com fé em Deus, entregaremos todas em 2023, é a nossa previsão", disse o secretário-executivo da pasta.

Outras entregas

Nesta sexta-feira (13/05), o governador Ibaneis Rocha ainda assinou ordens para restaurar a DF-463 (via que liga o Jardim Botânico a São Sebastião), para pavimentar e drenar a Rua Caminho da Mata, no Jardim Botânico, e para ampliar a coleta seletiva de lixo à região do Mangueiral. "A coleta seletiva é uma questão muito importante. Temos um aterro sanitário com capacidade finita, então temos que trabalhar a reciclagem o máximo possível. A gente estende agora essa coleta seletiva do Jardim Botânico para a região do Mangueiral, para que possamos, cada vez mais, ter o nosso lixo reciclado e a melhoria do nosso meio ambiente, uma grande preocupação para todos nós", afirmou o chefe do Executivo.

O diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem do DF (DER/DF), Fauzi Nacfur Júnior, participou da assinatura das ordens e comentou sobre a revitalização da DF-463. De acordo com ele, trata-se de um trabalho de prevenção. "O governador sempre nos pediu para diminuir a quantidade de operações tapa-buraco. E a única forma de diminuir essas operações é trabalhando preventivamente. Esse aqui é um trabalho preventivo, em que a gente chega, pega essa pista e a deixa toda nova. Com isso, você evita de estar fazendo manutenções com tapa-buraco, entre outras manutenções, e pode trabalhar outros pontos da cidade", explicou.

A obra da DF-463 deve contemplar uma região de 3,9 km. Cerca de 30 mil moradores passam diariamente pela pista, e o investimento na revitalização da via será de aproximadamente R$ 6,4 milhões.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE