TRAGÉDIA

Avião que levava Marília Mendonça teria feito pouso forçado, diz polícia

A cantora e outras quatro pessoas da equipe estavam no acidente da tarde desta sexta-feira (5/11), em Piedade de Caratinga, no Vale do Rio Doce

Deborah Lima - Estado de Minas
postado em 05/11/2021 19:32
Além da cantora, quem também estava no voo era o tio e assessor, Abicieli Silveira Dias Filho, que a acompanhava na maioria das viagens de avião por todo o país -  (crédito: CBMMG/Divulgação)
Além da cantora, quem também estava no voo era o tio e assessor, Abicieli Silveira Dias Filho, que a acompanhava na maioria das viagens de avião por todo o país - (crédito: CBMMG/Divulgação)

O piloto que comandava o avião que levava a cantora Marília Mendonça para Caratinga, no Vale do Rio Doce, teria tentado fazer um pouso forçado. O avião colidiu com as pedras da cachoeira e todos os cinco tripulantes morreram no local.

“Infelizmente, essa aeronave, quando estava próxima do aeroporto, teve dificuldade para aterrissar e tentou um pouso forçado”, informou o capitão Jefferson Luiz Ribeiro, chefe da comunicação da Polícia Militar na cidade.

Os nomes do piloto e do copiloto do avião não foram divulgados. Além da cantora, quem também estava no voo era o tio e assessor, Abicieli Silveira Dias Filho, que a acompanhava na maioria das viagens de avião por todo o país.

Outra vítima foi o produtor Henrique Ribeiro, também conhecido como Henrique Bahia, que foi também produtor do cantor Cristiano Araújo, morto em um acidente de carro em junho de 2015.

“O resgate é muito difícil em função do local em que a aeronave se encontra, um local de muitas pedras, muita água, inclusive correndo o risco da aeronave descer mais por conta da correnteza”, acrescentou o militar.

Leia mais: Confira imagens do avião de Marília Mendonça que caiu em região de MG

Corpo de Bombeiros

O porta-voz do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais, tenente Pedro Aihara, informou que a corporação recebeu o chamado nesta sexta-feira (05/11), por volta das 15h30. Os corpos foram removidos pela corporação já em óbito.

“Assim que as equipes chegaram, iniciaram os trabalhos de desencarceramento e de acesso forçado e quando adentraram no interior da aeronave verificaram existência de alguns óbitos, incluindo o óbito da cantora Marília Mendonça, que faria um show hoje na parte da noite na cidade de Caratinga”, afirmou.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE