Beleza

Atenção às estrias: confira como tratar as cicatrizes de forma cuidadosa

Na tentativa de disfarçar as lesões, muita gente procura estratégias, como o bronzeado sem proteção. Especialistas alertam para o perigo

As estrias podem aparecer em diversos lugares -  (crédito:  rawpixel.com/ Freepik)
As estrias podem aparecer em diversos lugares - (crédito: rawpixel.com/ Freepik)
postado em 29/02/2024 15:16 / atualizado em 29/02/2024 15:16

As estrias incomodam muitas mulheres, e, principalmente no verão, precisam ser cuidadas com atenção. "Elas aparecem quando há um processo inflamatório na derme, e as fibras do colágeno se quebram formando cicatrizes. Podem ser desencadeadas pelo estiramento da pele", explica a dermatologista Renata Mariella. Assim, cremes de hidratação e proteção solar são imprescindíveis para tratar as regiões e evitar que a exposição prejudique a saúde da pele. 

De acordo com a fisioterapeuta dermatofuncional Lorice Issa, as estrias podem aparecer durante a puberdade — tanto em meninas quanto em meninos —, na gravidez e quando há muita variação de peso. "As estrias estão atreladas também a desequilíbrios hormonais. Além disso, existem fatores hereditários e, mesmo prevenindo, elas podem aparecer", explica Lorice.

Mulheres na gravidez tendem a ter mais estria
Mulheres na gravidez tendem a ter mais estrias (foto: Reprodução/Unsplash/Jan Canty)

Mesmo que não possam ser totalmente apagadas, podem ser tratadas. "O primeiro passo é identificar o grau em que se encontra a pele. A partir daí, são definidos os procedimentos, a frequência de realizá-los e os cuidados que devem ser tomados para que os resultados atinjam os objetivos", explica Lorice. O peeling, tratamento que promove preenchimento no local das estrias, disfarçando e diminuindo a profundidade, e a utilização diária de cremes e óleos, são exemplos de cuidados práticos.

Proteção essencial

As estrias podem aparecer nas mais variadas áreas do corpo, sendo mais comuns em coxas, nádegas, mamas e abdômen. Elas podem ser vermelhas ou roxas, tipos mais recentes, ou brancas,
as já cicatrizadas. Independentemente do grau das estrias, os cuidados no verão se fazem necessários. Aplicar hidratante antes e depois de se expor ao sol é muito importante, tanto para o tratamento quanto para a prevenção. "Além disso, bronzear sem proteção jamais, isso apenas vai destacar ainda mais a lesão, pois a estria branca, que já está cicatrizada, não pigmenta", ressalta Renata.

Essa exposição aumenta os riscos de surgimento de lesões malignas locais, visto que já se trata de um local lesionado. O colágeno, que mantém a firmeza da pele, também é afetado pelo sol, gerando maior flacidez, o que pode agravar a condição da estria. Assim, é mais do que recomendado aplicar protetor solar pelo menos 30 minutos antes da exposição. "Ao sair do mar e da piscina, tome um banho de água doce, e passe um óleo ou creme hidratante", indica Renata Mariella.

Comumente utilizada, a técnica de se bronzear para disfarçar as estrias pode não funcionar. Se a exposição ao sol for muito alta, estrias vermelhas podem escurecer, sim, mas o "bronze" não é uniforme, já que as estrias têm menos melanócitos — células responsáveis pela formação do pigmento. Assim, bronzeiam menos do que o restante da pele.

Em relação à prevenção, hidratantes e emolientes, substâncias parecidas com óleos, são os produtos que mais impactam na saúde da pele. "Esses itens são indispensáveis caso você tenha histórico familiar, esteja na adolescência, seja gestante, tenha problemas de mudança de peso com frequência ou tenha necessidade de uso de corticosteroides por longo prazo", finaliza Renata.

  • Uma alimentação balanceada e uma rotina de exercícios também ajudam a manter a saúde da pele com estrias.
    Uma alimentação balanceada e uma rotina de exercícios também ajudam a manter a saúde da pele com estrias. Foto: foodfaithfit/Unsplash
  • Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação