Luto

Vídeo: homem que andava de caiaque perto de clube morre afogado no Lago Paranoá

Mergulhadores do CBMDF encontraram o homem, que aparenta ter 50 anos, a 14 metros de profundidade. Óbito foi confirmado após 10 minutos de tentativa de ressuscitação cardiopulmonar

Pedro Marra
postado em 24/10/2021 10:26 / atualizado em 24/10/2021 11:41
 (crédito: CBMDF/Divulgação)
(crédito: CBMDF/Divulgação)

Um homem que andava de caiaque no Lago Paranoá morreu afogado, na manhã deste domingo (24/10), perto do Cota Mil Iate Clube, no Setor de Clubes Esportivos Sul (SCES). Segundo o Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF), populares afirmaram que a vítima, — identificada como Gilmar Dietrich, 66 anos — estava perto do cais quando virou o pequeno barco ao contrário. Após 40 minutos de esforços das equipes, o médico do resgate aéreo decretou o óbito no local. 

Em um primeiro momento, as pessoas não viram o homem voltar para a superfície da água. Em seguida, os mergulhadores do CBMDF utilizaram a técnica de arrastro, com uso de corda, para fazer varredura no fundo do lago. 

De acordo com o tenente Renato Augusto, oficial de informação pública da corporação, cerca de 10 minutos após a chegada do Corpo de Bombeiros, uma dupla (de populares) localizou um senhor de mais ou menos 50 anos. "Imediatamente, (a vítima) foi transportada para o cais do Cota Mil, e iniciaram o protocolo de ressuscitação cardiopulmonar. Ele foi localizado a uma profundidade de 14 metros", esclarece.

 

Além do regaste aéreo, participaram da ocorrência três embarcações, sendo duas lanchas e uma moto aquática e três viaturas terrestres. Confira abaixo o vídeo em que mostra o momento em que os bombeiros resgatam a vítima da água rumo ao cais do Cota Mil.

Com informações do Corpo de Bombeiros Militar do DF

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE