Violência

Dois suspeitos de agredirem até a morte um morador de rua são presos

Polícia suspeita que a motivação oi uma briga que aconteceu na tarde desta terça-feira (26/10). Supostamente, a vítima havia quebrado a caixa de isopor de um dos autores do crime

Edis Henrique Peres
postado em 27/10/2021 13:56 / atualizado em 27/10/2021 13:56
 (crédito: Ed Alves/CB/DA Press)
(crédito: Ed Alves/CB/DA Press)

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) prendeu, na manhã desta quarta-feira (27/10), dois suspeitos de agredirem um morador de rua durante a madrugada no Setor Esportivo de Clubes Sul, próximo à Associação dos Delegados de Polícia (Adepol). O crime teria acontecido por volta das 3h da manhã. O morador de rua dormia embaixo de dois prédios comerciais quando foi abordado, por outras três pessoas em situação de rua, e foi agredido até à morte.

O circuito de segurança de um dos prédios flagrou o momento em que o morador é agredido a pauladas, com diversos golpes na cabeça. No vídeo, os suspeitos aparecem com casacos largos e, após agredirem a vítima caída no chão, descem as escadas e fogem.

Quem encontrou o morador morto foi uma funcionária do comércio das proximidades, que acionou a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros Militar do DF (CBMDF). Às 8h, agentes da 1ª Delegacia de Polícia, da Asa Sul chegaram ao local para realizar a perícia e investigar o caso.

Os três agressores também são moradores de rua e dois deles foram presos nesta manhã após procura intensiva dos agentes da PCDF. Segundo as investigações, o crime foi cometido devido a uma briga que aconteceu na tarde de ontem, na qual a vítima quebrou a caixa de isopor de um dos agressores.

A polícia também apreendeu os pedaços de pau que foram utilizados no crime e tenta localizar o terceiro suspeito.

 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE