EPIDEMIA

Dengue: DF recebe menos da metade das vacinas previstas

Ao todo, foram entregues 71.708 doses, menos da metade do previsto em coletiva de imprensa ontem pelo Governo do Distrito Federal

A expectativa é de chegassem 194 mil doses, mas o Executivo reforçou que as remessas serão enviadas ao pouco. -  (crédito: Marcelo Ferreira/CB/D.A press)
A expectativa é de chegassem 194 mil doses, mas o Executivo reforçou que as remessas serão enviadas ao pouco. - (crédito: Marcelo Ferreira/CB/D.A press)
postado em 08/02/2024 15:15 / atualizado em 08/02/2024 17:33

A primeira remessa de vacinas contra a dengue chegou ao Distrito Federal no início da tarde desta quinta-feira (8/2). Ao todo, foram entregues 71.708 doses, menos da metade do previsto em coletiva de imprensa ontem pelo Governo do Distrito Federal. A expectativa era de que chegassem 194 mil doses, mas o Executivo reforçou que as remessas serão enviadas aos poucos. A data para o próximo lote de vacinas chegar, no entanto, ainda não está definida.

A vice-governadora, Celina Leão, e a secretária de Saúde, Lucilene Florêncio, foram à Rede de Frio, localizada no Guará, receber as doses. "Estamos aguardando, agora, a orientação do Ministério da Saúde para saber como faremos a imunização. Com as 194 mil doses, daria para vacinar toda a nossa população na faixa etária de 10 a 14 anos. Com a redução na quantidade de doses, a gente espera uma nova orientação do MS, para saber se podemos vacinar toda a população ou se devemos classificar por área de risco", disse a vice-governadora. 

A secretária de Saúde acrescentou que houve problemas alfandegários na chegada do imunizante ao Brasil. "Foi informado pelo MS que houve um problema na alfândega, mas as doses chegarão à medida que passarem pela alfândega. Vamos administrando essas 71 mil doses e depois vamos ajustando o processo interno, de acordo com o recebimento de novas doses", afirmou. 

A capital do país atingiu o número alarmante de mais de 46 mil casos de dengue desde o começo do ano. Durante coletiva no Palácio do Buriti, nessa quarta-feira (7/2), o secretário da Casa Civil, Gustavo Rocha, junto a outros representantes do governo, informou que serão instaladas mais nove tendas de atendimento e hidratação aos pacientes com a doença. Ele havia adiantado que o repasse das vacinas deveria ocorrer até sexta-feira (9/2), com possibilidade de início da aplicação no mesmo dia.

De acordo com o secretário, serão colocadas nove unidades em pontos estratégicos da cidade. "No mais tardar, no fim de semana ou começo da semana que vem, nós vamos instalar mais nove tendas para fazer com que esse atendimento chegue mais perto da população e para facilitar o acesso a esse tratamento para que a gente possa avançar no enfrentamento da dengue no DF", afirmou Gustavo Rocha.

  • Vacina da dengue qdenga
    Vacina da dengue qdenga Marcelo Ferreira/CB/D.A Press
  • Vacina da dengue qdenga
    Vacina da dengue qdenga Marcelo Ferreira/CB/D.A Press
  • Vacina da dengue qdenga
    Vacina da dengue qdenga Marcelo Ferreira/CB/D.A Press
  • Vacina da dengue qdenga Celina Leão
    Vacina da dengue qdenga Celina Leão Marcelo Ferreira/CB/D.A Press
  • vacina da dengue qdenga
    vacina da dengue qdenga Marcelo Ferreira/CB/D.A Press
  • Vacina da dengue qdenga
    Vacina da dengue qdenga Marcelo Ferreira/CB/D.A press

De acordo com o último boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Saúde do DF (SES-DF), na última segunda-feira, a capital alcançou a marca de 46.298 casos de dengue, o que representa um aumento de 1.120,6% em relação ao mesmo período do ano passado, e 11 mortes em decorrência da doença desde o começo do ano. Além disso, há a investigação de outros 45 casos suspeitos de morte pela doença.

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação