Briga por herança

Gal Costa: entenda a polêmica acerca do testamento da cantora

Acusação de roubo e exumação de corpo fazem parte da briga de Gabriel Costa, filho da cantora, e Wilma Petrillo, ex-empresária, pela herança de Gal

Gal Costa morreu aos 77 anos, em novembro de 2022 -  (crédito:  Carlos Moura/CB)
Gal Costa morreu aos 77 anos, em novembro de 2022 - (crédito: Carlos Moura/CB)
postado em 01/04/2024 19:24

Travando uma briga na Justiça pela herança da mãe desde que atingiu a maioridade, Gabriel Costa, filho da cantora Gal Costa, acusa Wilma Petrillo de tentar roubar parte da herança deixada pela cantora, que morreu aos 77 anos em novembro de 2022. Em entrevista ao Fantástico no domingo (31/3), Gabriel voltou a afirmar que Gal e Wilma não eram um casal, logo, a mulher não teria direito à metade do patrimônio, como ela pede na Justiça.

A briga pela herança de Gal Costa, avaliada em R$ 20 milhões, começou após Gabriel completar 18 anos e questionar na Justiça a fração do patrimônio de Gal Costa reivindicada por Wilma Petrillo. Por sua vez, Wilma pede que a Justiça reconheça união estável de 24 anos com Gal, o que lhe daria direito a 50% da herança deixada pela cantora, além do direito de administrar o patrimônio artístico da baiana em conjunto com Gabriel. No processo, Wilma solicitou ainda a guarda de Gabriel.

Segundo Gabriel e sua defesa, Petrillo atuava apenas como empresária da cantora e madrinha do menino e, por isso, a partilha de bens e sua capacidade de cuidar do patrimônio devem ser discutidas. O filho de Gal afirma ainda que a história do relacionamento não procede. "Ela virou empresária da minha mãe, realmente. Elas começaram a morar juntas, mas sem nenhum tipo de relacionamento além da amizade e trabalho", disse Gabriel, em entrevista ao Fantástico no domingo (31/3).

"Depois que minha mãe morreu foi que a Wilma começou a dizer que ela era a minha mãe. Porque ela queria que eu ficasse perto para ter o poder sobre a herança, apenas para ela ser herdeira junto comigo. Minha única mãe é a Gal Costa”, disse Gabriel, em outro trecho da entrevista.

Acusação de morte e pedido de exumação do corpo

Além de reivindicar a herança, Gabriel também entrou com um pedido, em 13 de março, de exumação do corpo de Gal Costa. De acordo com as informações da certidão de óbito, Gal Costa teria morrido devido a um infarto agudo do miocárdio.

“Eu só quero ter certeza de que foi realmente uma parada cardíaca, porque foi tudo muito repentino. Não acho que ela tenha feito alguma coisa com minha mãe. Ela não chegaria a esse ponto", disse o rapaz na entrevista.

Inicialmente, Petrillo e Gabriel informaram que Gal teria começado a passar mal depois de chegar em casa, após uma série de exames. Segundo os familiares, a cantora havia descoberto um cisto que, na biópsia, foi descrito como um câncer.

"Cheguei com minha mãe, e estávamos na sala, e ela estava bem. Fui dar boa noite para ela, e a Wilma disse que ela não estava bem, estava com calafrios e que tinha vomitado", explicou Gabriel.

Ainda segundo relato dos familiares ao Fantástico, quando todos foram dormir, Wilma percebeu que Gal não estava dormindo durante a madrugada e chamou Gabriel ao ver que a cantora havia virado o corpo para o lado. Ao chegar ao quarto, Gabriel já teria encontrado a mãe morta.

"Ela estava começando a ficar fria e pálida, a boca dela estava começando a ficar roxa. O Samu me instruiu a fazer massagem cardíaca. Eles chegaram, olharam o corpo da minha mãe, viram que tinham algumas manchas vermelhas em alguns pontos e disseram que o coração tinha parado de bater", disse.

Quem é Wilma Petrillo?

Gal Costa e Wilma Petrillo se conheceram em 1990, na primeira classe de um voo para Nova York. Wilma afirma que viveu um relacionamento de duas décadas com Gal Costa, embora pessoas próximas afirmem que o relacionamento ocorreu apenas quando as duas se conheceram e que foi passageiro.

“Não pode dizer que não seja um casal. A cumplicidade que nós tínhamos era muito grande. O amor, maior ainda. Eu sei que Gal me amava muito”, afirmou Petrillo, em entrevista ao Fantástico.

Adoção de Gabriel

Gabriel Costa foi adotado por Gal Costa em 2007, quando tinha apenas 2 anos de idade, em um abrigo no Rio de Janeiro. A cantora comentou sobre a adoção em uma entrevista ao Programa do Jô.

"Criança é a melhor coisa do mundo. Ele mudou minha rotina, minha vida. Hoje, sou uma pessoa mais feliz", contou Gal.

A última aparição de Gal Costa com o filho foi meses antes da morte da cantora. Na ocasião, ela compartilhou fotos da comemoração do aniversário do filho. "Meu Gabriel, parabéns pelo seu dia! Te amo"

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação