O Aranha está de volta!

O Aranha está de volta!

Novo longa do herói, que chega hoje aos cinemas, foca na personalidade e na formação do garoto por trás da máscara e dá fôlego à franquia

Alexandre de Paula Especial para o Correio
postado em 06/07/2017 00:00
 (foto:  Sony/Divulgação
)
(foto: Sony/Divulgação )


A trajetória do Homem-Aranha nos cinemas estava, até agora, em declínio. Do auge nos primeiros filmes interpretados por Tobey Maguire ao fracasso da franquia estrelada por Andrew Garfield, a decadência do herói nas telonas gerou temor para um novo filme. Os fãs de Peter Parker, no entanto, podem ficar tranquilos. O novo longa, estrelado por Tom Holland, recoloca o Aranha em seu devido lugar e dá fôlego para que o personagem ganhe mais alguns filmes.

Dirigido por Jon Watts, Homem-Aranha ; De volta ao lar conquistou os críticos mundo afora e tem tudo para alcançar números altos nas bilheterias. No site americano Rotten Tomatoes (que agrega críticas de diversos veículos), o longa ostenta uma marca invejável: 93% de aprovação.

Elogiada, a direção de Jon Watts agradou aos produtores e estúdios antes mesmo de o longa estrear. Ainda sem qualquer resultado econômico, o presidente da Marvel, Kevin Feige, e a produtora Amy Pascal já garantiram que o cineasta também estará à frente da sequência da franquia.

;Ele arrasou. Seríamos malucos de não trazê-lo de volta. Ele fez um trabalho incrível e toda a atmosfera do filme, tudo o que as pessoas gostaram são coisas que ele trouxe. Ele de fato é especial;, afirmou Amy Pascal.

O longa é fruto de um acordo entre a Marvel e a Sony, detentora dos direitos do herói nos cinemas anteriormente. Homem-Aranha ; De volta ao lar é o primeiro filme solo do personagem no universo Marvel. Antes, o Aranha de Tom Holland já havia aparecido em Capitão América ; Guerra civil.

Diferente das duas outras franquias, De volta ao lar não apresenta diretamente a origem do herói. A morte de Tio Ben e a picada da aranha radioativa, por exemplo, não fazem parte do roteiro, a não ser como pequenas citações (às vezes, bem indiretas).

Um dos roteiristas, Jonathan M. Goldstein explicou por que a produção considerou que não seria necessário reapresentar esses fatos no novo filme. ;Todo mundo já sabe que ele foi picado por uma aranha e que seu Tio Ben morreu, então não precisamos rever isso;, disse Goldstein.

No lugar de perder tempo com a batida origem dos poderes do Aranha, o longa foca em apresentar a adolescência do jovem Peter Parker. A vida no colégio, os amigos, a paixão e as mudanças que acontecem nessa fase da vida são alguns dos pontos mais fortes no filme.

Tom Holland encarna um super-herói jovem que deseja, com fervor, mostrar todo o valor que tem e ser importante, mas ainda não sabe direito o que fazer. E é nesse ponto que entra Tony Stark e seu Homem-de-Ferro.

Robert Downey Jr. não rouba a cena de Holland (longe disso), mas é fundamental no roteiro para que o herói encontre seu caminho. As broncas e os conselhos de Stark conduzem o Homem-Aranha a se tornar mais maduro, mesmo que Stark não seja lá um grande exemplo disso.

O vilão da vez

Michael Keaton interpreta o antagonista do longa. Pela primeira vez nas telonas, o Abutre é um vilão mais humano do que os que costumam aparecer em longas da Marvel. O filme apresenta as motivações que o fizeram se tornar um criminoso e o aproximam de uma pessoa comum, real. ;Já vimos como é ser um inventor bilionário ou um deus nórdico na Marvel. Vimos o topo desse mundo. Mas nunca vimos como é ser apenas um cara normal;, justificou o diretor Jon Watts.

No longa, o personagem de Keaton é dono de uma empresa que limpa a bagunça deixada por batalhas de super-heróis. O governo, no entanto, proíbe que civis se encarreguem da tarefa e, sem qualquer ressarcimento, passa a fazer o trabalho. Indignado, o vilão decide se tornar um contraventor e usa restos do material captado por ele para criar armas super-poderosas. O negócio rende muito para o Abutre, que passa despercebido por Vingadores e pela polícia. Até que o Homem-Aranha descobre o esquema e resolve combatê-lo.



O Aranha nos cinemas



2002
Homem-Aranha
O primeiro filme do herói, protagonizado por Tobey Maguire, apresenta a origem dos superpoderes



2004
Homem-Aranha 2
A segunda produção da franquia, assim como o primeiro, também agradou ao público



2007
Homem-Aranha 3
O longa apresentou o famoso traje preto do herói e foi o mais criticado da trilogia



2012
O espetacular Homem-Aranha
Estrelado por Andrew Garfield, o filme apresentou outra vez a origem dos poderes do herói



2014
O espetacular Homem-Aranha 2: A ameaça de Electro
Sem agradar muito, a franquia protagonizada por Garfield acabou no segundo filme

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação