Freguesia ampliada em Itaquera

Freguesia ampliada em Itaquera

Corinthians ganha e se mantém invicto na nova casa contra o São Paulo. Alvinegro lidera grupo. Tricolor não vence há quatro jogos

postado em 18/02/2019 00:00
 (foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
)
(foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians )




O Corinthians continua sobrando diante do São Paulo na Arena Corinthians. Ontem, derrotou o rival por 2 x 1, pela sétima rodada do Campeonato Paulista, e ampliou a invencibilidade em casa para 10 partidas: são sete vitórias e três empates. O resultado levou o time alvinegro à liderança do Grupo C, com 10 pontos, contra nove de Ferroviária e Bragantino.

A equipe tricolor segue o calvário e chegou ao quarto jogo seguido sem ganhar. Vindo de uma eliminação precoce na Copa Libertadores no meio da semana passada, para o Talleres (Argentina), que custou o emprego do técnico André Jardine, o clube foi dirigido interinamente pelo coordenador de futebol Vagner Mancini. No Paulistão, poderá perder a segunda posição do Grupo D, se hoje o Oeste bater o São Bento. Os dois times somam nove pontos, contra 10 do líder Ituano.

Em campo, o clássico demorou a fazer jus ao apelido de Majestoso que recebe. Na etapa inicial, o primeiro chute a gol aconteceu aos 41 minutos, com Pedrinho. Após erro grave da arbitragem, que não viu a bola sair pela linha de fundo na origem da jogada, vieram a finalização que obrigou Tiago Volpi a espalmar para escanteio e a cobrança perfeita de Sornoza na cabeça de Manoel, que testou firme para abrir o placar.

Ironia do destino, o gol de empate teve roteiro parecido, com polêmica no nascimento do lance e finalização de cabeça. Os corintianos reclamaram de falta de Antony em Danilo Avelar, que foi o último a desviar a bola antes de sair pela linha de fundo. No escanteio batido por Reinaldo, aos 12 minutos, Pablo apareceu na primeira trave e desviou sem chance de defesa para Cássio.

Gustagol

O herói tricolor se tornaria vilão pouco depois ao tentar um passe de calcanhar na altura do meio de campo. Interceptado, gerou contra-ataque letal armado pelos anfitriões. Fagner entrou pela direita e cruzou. Tiago Volpi saiu muito mal da meta (reclamou de falta de Vagner Love) e Gustagol finalizou para o fundo das redes. Foi o sétimo gol do artilheiro no ano. Aos gritos de ;o freguês voltou;, os mais de 42 mil corintianos em Itaquera fizeram a festa até o apito final.




Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação