Homens de muita fé

Homens de muita fé

A cura do câncer de Dorival Júnior e a reviravolta de Michael: as histórias dos milagres recentes nas vidas de dois personagens que estarão no Mané na final entre Flamengo e Athletico

Gabriel Escobar*
postado em 11/02/2020 00:00 / atualizado em 29/09/2020 11:16
 (crédito: Alexandre Vidal/Flamengo)
(crédito: Alexandre Vidal/Flamengo)







A decisão da Supercopa do Brasil em jogo único entre os campeões da Copa do Brasil (Athletico-PR) e da Série A (Flamengo), domingo, às 11h, no Mané Garrincha, vale mais do que o título para o técnico do Furacão, Dorival Júnior, e o meia-atacante rubro-negro Michael. A carreira dos dois passou por dramas pessoais que poderiam culminar com o afastamento de ambos em definitivo do futebol.

Dorival Júnior tem a chance de conquistar seu primeiro título desde que interrompeu a carreira por um ano para tratar de um câncer de próstata. Reforço do Flamengo na última janela de transferências, Michael pode chegar ao seu primeiro troféu nacional depois de ter superado problemas com drogas, roubo e tráfico.

Com títulos de Copa do Brasil pelo Santos, Recopa Sul-Americana pelo Internacional, Série B pelo Vasco e mais sete estaduais no currículo, Dorival se consolidou como um dos grandes treinadores do futebol brasileiro. O último trabalho foi justamente pelo Flamengo, quando comandou o clube por 12 jogos. Acumulou nove vitórias, um empate e duas derrotas na reta final do Brasileirão 2018. Mesmo com a boa campanha, Rodolfo Landim, eleito presidente do Flamengo, optou por contratar Abel Braga para substituir Dorival e dar início ao ano de 2019.

Em março do ano passado, quando estava desempregado, Dorival foi diagnosticado com câncer de próstata. O treinador passou a se dedicar inteiramente ao tratamento da doença, sem se comprometer com clube algum. Em outubro, realizou a cirurgia de retirada do tumor e voltou ao mercado. ;Meu único pensamento foi: ;Vamos resolver isso, então;. Era algo sério, e eu tinha que buscar uma solução;, contou recentemente em entrevista à Agência Estado.

Passado o tratamento, Dorival Júnior aconselha os homens. ;No futebol, a gente brinca muito. Dizia que tal mês teria de fazer o exame (de toque). Mas o exame de sangue também é fundamental. O homem é propício a ter problemas de próstata, então, é preciso quebrar esse tabu;, aconselha.

O diagnóstico da doença no início ajudou no processo de cura. ;Não encarei com uma preocupação excessiva. Pegar bem no início ajudou bastante, e eu já fazia acompanhamento. Antes da confirmação, eu tinha certeza de que não seria algo tão ruim assim. Foi o que aconteceu. Por isso, a prevenção é fundamental;, alerta.

Em dezembro, o Athletico acertou a contratação de Dorival Júnior para 2020 após a saída de Tiago Nunes. Com o time alternativo na disputa do Campeonato Paranaense, Dorival só comandou o Furacão em duas partidas, ambas amistosas. Uma contra o Racing, com quem empatou por 2 x 2, seguido por derrota nos pênaltis. Diante do Boca Juniors, amargou derrota por 3 x 1.

Reviravolta

Revelação do Campeonato Brasileiro de 2019, Michael viveu o melhor ano de sua carreira no Goiás. No Campeonato Brasileiro do ano passado, anotou nove gols e despertou o interesse de grandes clubes. Coube ao Flamengo fazer a melhor oferta ao clube goiano e tirar a joia do esmeraldino. Após conquistar a Libertadores e o Brasileirão, o Flamengo reforçou o elenco e decidiu pagar R$ 34,5 milhões por 80% dos direitos do meia.

O sucesso é uma nova página da carreira de quem viveu um drama pessoal. Michael superouo vício em drogas e álcool, traficou e sofreu tentativa de homicídio em seis oportunidades. O jogador revelou recentemente que fumava duas carteiras de cigarro por dia, além de consumir cerca de 20 latas de cerveja diariamente. O uso não ficava apenas nas drogas lícitas. Michael também era consumidor de cocaína, lança-perfume e loló. O temperamento explosivo nos jogos de ;terrão; aliado aos problemas com tráfico de drogas e roubo, o levaram ao fundo do poço.

Em 2016, Michael mudou de vida. Achou na religiosidade um caminho para se livrar do crime e dos vícios. Convertido, o evangélico passou a dedicar-se inteiramente ao futebol. ;Aceitei Jesus em 2016. Eu fumava duas carteiras de cigarro por dia. Bebia 18, 20 latas de cerveja por dia. Jogava terrão, e a resenha lá é cerveja. Eu gostava de pinga demais. 51, 29, Paratudo. Depois da sexta vez que tentaram me matar, fui para a igreja e uma mulher disse tudo da minha vida. Falei que, se Deus for bom, ele vai ter misericórdia de mim;, contou numa entrevista à rádio Sagres, de Goiânia. Em 2018, faturou o Campeonato Goiano pelo esmeraldino. No ano passado, se apresentou para o futebol brasileiro com direito a gol no empate por 2 x 2 contra o Flamengo, no Serra Dourada, pelo Brasileirão.

Apesar das dificuldades, Dorival Júnior e Michael deram a volta por cima e têm a oportunidade de marcarem, mais uma vez, seus nomes na história do futebol brasileiro no domingo. A Supercopa do Brasil, disputada apenas duas vezes, em 1990 e 1991, volta a ser disputada após 28 anos. A ideia da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) é realizar o torneio anualmente, alterando os locais das finais. Os elencos desembarcarão no Distrito Federal na sexta-feira, treinarão no gramado do jogo no sábado e duelarão no domingo.

Ingressos

Os ingressos para a Supercopa do Brasil variam de R$ 100 a R$ 600. A aquisição das entradas pode ser feita pela internet, por meio do site da Futebol Card (futebolcard.com) ou por pontos físicos espalhados pela capital. A Loja Trend Sports, do Sudoeste, as Globo Esporte, de Taguatinga Centro e Taguatinga Shopping, a Grandes Torcidas, da 308 Sul e o Centro de Convenções Ulisses Guimarães estão autorizados a comercializar.

Um quilo de alimento não dará direito à meia, como costumava acontecer nos eventos do Mané Garrincha. A CBF informou que quem comprou meia-entrada terá que apresentar documento que comprove o direito, ;caso seja solicitado;. Até a última sexta-feira, 21 mil, dos 71 mil ingressos disponíveis, haviam sido vendidos. Quem optar por comprar o Supercamarote poderá assistir a uma apresentação da dupla sertaneja Maiara e Maraísa.


;Eu fumava duas carteiras de cigarro por dia. Bebia 18, 20 latas de cerveja por dia. Jogava terrão e a resenha lá é cerveja. Eu gostava de pinga demais. 51, 29, Paratudo. Depois da sexta vez que tentaram me matar, fui para a igreja, e uma mulher disse tudo da minha vida. Falei que, se Deus for bom, ele vai ter misericórdia de mim;

Michael, meia do Flamengo, em entrevista à rádio Sagres, de Goiânia



;Meu único pensamento foi: ;Vamos resolver isso, então;. Era algo sério, e eu tinha que buscar uma solução. No futebol, a gente brinca muito. Dizia que tal mês teria de fazer o exame (de toque). Mas o exame de sangue também é fundamental. O homem é propício a ter problemas de próstata, então, é preciso quebrar esse tabu;


Dorival Júnior, técnico do Athletico-PR, à Agência Estado, sobre a cura do câncer de próstata

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação