Entendeu, Felipão?

Entendeu, Felipão?

Saiba por que a presença do atacante Neymar é tão imprescindível para o Barcelona na decisão de hoje do Campeonato Espanhol, contra o Atlético de Madri, a ponto de deixar o técnico da Seleção Brasileira em pânico. Apesar da pressão, o time azul-grená convocou o craque

Marcos Paulo Lima
Marcos Paulo Lima
postado em 17/05/2014 00:00
 (foto: Lluis Gene/AFP - 16/5/14)
(foto: Lluis Gene/AFP - 16/5/14)

Luiz Felipe Scolari nega, mas teria tentado negociar a ausência de Neymar no clássico de hoje entre Barcelona e Atlético de Madri, na final do Campeonato Espanhol. A insistência do clube catalão em não poupar o camisa 10 da Seleção Brasileira e tê-lo no mínimo no banco de reservas no Estádio Camp Nou tem um argumento fortíssimo. O time azul-grená enfrentou os colchoneros cinco vezes nesta temporada e fez apenas dois gols. Ambos de quem? De Neymar. O craque marcou no jogo de ida da final da Supercopa da Espanha, no Vicente Calderón, e garantiu o troféu. Nas quartas de final da Liga dos Campeões, impediu a derrota em casa no confronto de ida e empatou o duelo em 1 x 1.


Para ser campeão espanhol, o Barcelona é obrigado a derrotar o Atlético de Madri. Carrasco da trupe de Messi no mata-mata da Champions League, o time dos brasileiros Miranda e Filipe Luís necessita do empate para encerrar o jejum de 18 anos. O zagueiro e o lateral estão na lista de espera de Luiz Felipe Scolari para a Copa do Mundo e também preocupam o comandante verde-amarelo.

Recuperado
Neymar estava fora dos gramados desde a decisão da Copa do Rei da Espanha, contra o Real Madrid, e terá de driblar a desconfiança dos torcedores, que o acusam de querer se poupar para a Copa. Na nova era Felipão, o atacante começou todos os 20 jogos como titular. Recuperado de uma lesão no pé-esquerdo, ele tentará repetir a fama de talismã do Barça em duelos contra o Atlético de Madri.


Durante a semana, a assessoria de Felipão emitiu uma nota negando qualquer tipo de tentativa de impedir a entrada de Neymar na lista de convocados do técnico Gerardo Martino. ;Em momento algum, existiu preocupação com a escalação do Neymar, até porque estamos cientes da sua condição e não há motivo para temor;, afirmou o comandante.
Na contramão de Neymar, o hispano-brasileiro Diego Costa precisa desencantar contra o Barcelona. Vice-artilheiro do Campeonato Espanhol com 28 gols, atrás apenas de Cristiano Ronaldo, o sergipano de Lagarto ainda não balançou a rede do adversário.


Confiante, o zagueiro Miranda admitiu a ansiedade do Atlético de Madri para a partida de hoje. ;Todos nós sonhávamos em viver uma semana como essa. Fizemos uma temporada brilhante, mas precisamos vencer e estamos preparados para isso;, declarou o beque, com uma ponderação. ;O Barcelona é uma grande equipe e vamos entrar em campo para vencer, mesmo sabendo que o empate é suficiente. Teremos de jogar de forma muito intensa e precisamos estar 100% fisicamente;, avisou.

Barcelona x Atlético de Madri
Local: Estádio Camp Nou
Barcelona (Espanha)
Horário: 13h

Transmissão: Esporte interativo

Campeonato Espanhol
Última rodada

Árbitro: Mateu Lahoz

Barcelona (4-3-3)
Pinto, aniel Alves, Piqué, Mascherano e Alba
Busquets, Xavi e Fàbregas
Alexis Sánchez, Messi e Iniesta
Técnico: Gerardo Martino

Atlético de Madri (4-4-2)
Courtois, uanfran, Miranda, Godín e Filipe Luís
Gabi, Thiago, Koke e Turan
Diego Costa e Villa
Técnico: Diego Simeone

Novo salário de Messi é R$ 61 milhões

O Barcelona anunciou, ontem, em seu site oficial, que chegou a um acordo para estender o contrato do argentino Lionel Messi. Sem divulgar os valores, o clube catalão disse que a assinatura do contrato ocorrerá nos próximos dias. Segundo a imprensa espanhola, Messi passaria a receber 20 milhões de euros anuais (quase R$ 61 milhões) para assinar o novo vínculo. O atual contrato do argentino, cuja multa rescisória é calculada em 250 milhões de euros (R$ 750 milhões), termina em 2018.

Dante preocupa

Além da preocupação com Neymar, Daniel Alves, Miranda e Filipe Luís, o técnico da Seleção Brasileira, Luiz Felipe Scolari, precisa rezar para que outro convocado, o zagueiro Dante, não se machuque na final da Copa da Alemanha. Os dois principais times do país ; Bayern de Munique e Borussia Dortmund ; se encontram hoje, às 15h, na decisão do torneio. A bruxa está solta. Ontem, Schweinsteiger, do Bayern, sentiu lesão no joelho, não jogará hoje no Estádio Olímpico de Berlim e é dúvida para o Mundial.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação