Residência e certificação

Residência e certificação

postado em 12/01/2020 00:00
Mozart Neves Ramos, educador, escritor e ex-secretário de Educação de Pernambuco, que integra o Conselho Nacional de Educação (CNE), defende a prática de residência pedagógica para os professores. Ele observa que, no Brasil, é comum professores de química e física não serem formados nessas disciplinas.

;Os médicos não fazem residência? Por que o professor não faz residência na escola? No Brasil, 61% dos professores de física não se formaram em física;. Para Mozart, com a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e com a Base Nacional de formação de Professores (BNC) prontas, o desafio agora é mudar os cursos de licenciatura. ;Se as universidades não ajudarem, não vamos ter êxito;, sentencia.

EAD: um problema?

Professora universitária e gestora pública, Cláudia Costin elogia a BNC, principalmente porque limita o ensino a distância em 50%. ;Antes, não tinha limite para o que poderia ser usado em Educação a Distância, o que era problemático, mas foi limitado a 50%. Por mim, limitaria até mais. Isso é importante, porque, hoje, 46% dos professores são formados a distância, em cursos de qualidade questionável;.

Para Costin, é preciso esperar dos professores a mesma perícia profissional que se espera de outras carreiras. ;Ninguém espera que um neurocirugião seja formado a distância. Metaforicamente, o professor também opera o cérebro, e o dano pode ser tão grave como o da imperícia de um eventual neurocirurgião, que tem uma formação muito vivencial;.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação