Cara limpa

Cara limpa

O barbear rente e sem machucados é possível com uma boa lâmina e alguns cuidados

Por Renata Rusky
postado em 14/06/2015 00:00

Apesar de a barba por fazer e a barba bem cheia (o famoso visual de lenhador) estarem na moda, muitos homens raspam o rosto diariamente. Alguns para não revelar falhas nos pelos; outros por preferirem uma aparência clean. Há aqueles que sofrem com a lâmina ; se cortam sem querer ou ficam com poros inflamados. Barbear-se exige tanto cuidado e atenção quanto bons instrumentos. Deixar de lado qualquer uma dessas providências é arriscar a pele.

Não é à toa que muitos homens preferem a assistência profissional de um barbeiro. Caio Cabral, dono de uma barbearia da cidade, esclarece os procedimentos seguidos pelos funcionários para um barbear menos agressivo: ;Nossos barbeiros usam espuma e toalha quente para amolecer os pelos e abrir os poros, antes de tirar a barba. Ao fim, o processo é o contrário. Usam a toalha gelada para fechar os poros, além de produtos pós-barba;. As lâminas descartáveis usadas nesse tipo de estabelecimento também são uma vantagem a mais. Para quem prefere raspar em casa mesmo, Cabral indica o uso diário de cremes que descongestionem e hidratem a epiderme, além de emulsões pós-barba e filtro solar.

Um erro muito comum é passar a lâmina na direção contrária ao crescimento dos pelos, em busca de um corte mais rente. É mito: o que faz diferença é a gilete estar nova e afiada, e ela tende a perder o fio após cinco barbeadas, no máximo.

Dicas para o barbear perfeito


1. Caio Cabral explica que muitos usam a toalha quente antes de barbear. Em casa, experimente barbear-se após o banho, quando os poros estarão abertos.
2. Passe a lâmina na pele o menor número de vezes possível.
3. Use uma mesma lâmina por, no máximo, cinco vezes.
4. Após barbear-se, lavar o rosto com água fria.
5. Não deixe de usar um pós-barba, mas tenha certeza que ele não contém álcool.


Como guardar sua lâmina

1. Tirar todos os pelos da lâmina ao terminar.
2. Não deixá-la em locais úmidos.
3. Secá-la bem após o uso; pode até ser com secador de cabelo.
4. Colocá-la em um copo com álcool. O álcool vai evaporar rápido e deixar a lâmina seca e esterilizada. Alguns, deixam no álcool o tempo todo até usar de novo pra evitar a oxidação provocada pelo contato com o oxigênio do ambiente.


Mach 3, da Gilette
Tem três lâminas com alinhamento progressivo, o que evita mais passadas do aparelho sobre a pele, reduzindo a irritação. A cabeça articulada diminui a pressão necessária para manter as lâminas próximas ao rosto e a fita lubrificante oferece ação calmante (R$ 12,90)


The Everyday Box, da Dr. Jones

Kit com um shower gel para corpo e cabelo, uma espuma de barbear e after shave (R$ 99)


The Shave Box, da Dr. Jones

Kit com um esfoliante facial, espuma de barbear, gel pós-barba e uma nécessaire (R$ 108)


Óleo de Barbear, de L;Occitane en Provence (R$ 125)


Gel de barbear, de L;Occitane en Provence (R$ 98)


Kit Barbearia, da Granado
Caixa com produtos para um barbear à moda antiga. Contém sabonete de barbear (100g), balm pós-barba, pincel de barbear e tigela de porcelana personalizada (R$ 99,50)

Gel de barbear x óleo de barbear x espuma de barbear
O gel foi lançado no mercado há menos tempo. Por ser transparente, como o óleo, fica mais fácil saber onde se está passando a lâmina. Ele, no entanto, por sua consistência, pode grudar nas lâminas, o que atrapalha o barbear e faz com que você tenha que parar para limpá-las algumas vezes. Alguns homens preferem a espuma de barbear por ser mais espessa. Quem prefere a sensação de refrescância costuma optar pelo gel. Para quem tem pele oleosa, é recomendável usar o gel, que absorve melhor o excesso de oleosidade do rosto. Para quem tem pele seca, o óleo ou a espuma são mais recomendadas.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação