Promessa de greve geral

Promessa de greve geral

postado em 12/09/2015 00:00
Os sindicatos já avisaram ao governador Rodrigo Rollemberg (PSB) que, se forem adiados os pagamentos dos reajustes salariais, a greve geral no funcionalismo do GDF pode ser decretada ; o mesmo acontecerá se os salários atrasarem. A notícia de que essa medida é estudada pelo governo gerou grande revolta entre os trabalhadores.

Para o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Civis da Administração Direta, Autarquias, Fundações e Tribunal de Contas do DF (Sindireta), Ibrahin Yusef, é obrigação do Estado respeitar as obrigações previstas pela lei. ;Em toda a história do GDF, os compromissos feitos com os trabalhadores sempre foram cumpridos. O governo tem que buscar ferramentas para honrar o que foi prometido, seja mediante empréstimos ou outras alternativas;, afirma.

Descrentes do Poder Executivo, algumas categorias procuram outras soluções para sair do aperto. Nesta semana, o Sindicato dos Empregados dos Estabelecimentos de Serviços de Saúde de Brasília (SindSaúde) se mobilizou para pressionar os distritais a destinarem verbas de emendas parlamentares para pagar benefícios atrasados de trabalhadores do setor. Em parte, tiveram sucesso: R$ 352 milhões foram para a Secretaria de Saúde, mas apenas R$ 10 milhões poderão ser usados com pessoal. O governo prometeu quitar as pendências.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação