Grita Geral

Grita Geral

postado em 08/12/2019 00:00

Asa Norte
Insegurança nas quadras

Flávio Barreto, 35 anos, reclamou da insegurança na Asa Norte. O contador relatou que sentia-se seguro no bairro, mas que, de alguns meses para cá, ouviu de amigos e vizinhos relatos de assaltos. ;Eu nunca senti essa insegurança aqui, mas parece que existe uma onda de crimes e eu raramente vejo ronda;, contou.
  • A Polícia Militar do Distrito Federal informou que as equipes do 3; Batalhão detiveram 547 suspeitos ou autores de crimes e retiraram 32 armas das ruas da Asa Norte no período de janeiro a novembro. Dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP), segundo a corporação, demonstram reduções dos índices criminais na área da Asa Norte durante todo o ano de 2019. O mapeamento da SSP apresenta uma queda de 12,5% no número de roubo a pedestre e de 40,9% no número de furto em veículo em novembro deste ano, se comparados ao mesmo período do ano passado.

Guará 1
Coleta atrasada

Mario Barreto Costa, 67 anos, reclamou do acúmulo de lixo nos contêineres do seu condomínio. O morador da QI 4 do Guará 1 contou que a coleta não acontece de forma regular e que tem notado que, nas últimas semanas, o lixo tem ficado mais dias na caçamba. ;Cachorros mexem, dá rato barata e tudo de nojeira. Como fica essa situação?;, indagou o aposentado.
  • O Serviço de Limpeza Urbana (SLU) informou que a coleta na QI 4 do Guará 1 acontece de forma alternada às terças, quintas e sábados. Dessa forma os moradores ficam sem esse serviço aos domingos, segundas, quartas e sextas-feiras. Caso os moradores desse condomínio disponham os seus resíduos nesses dias, fora do cronograma de coleta, o lixo fica acumulado atraindo ratos, baratas e outros insetos. Cabe lembrar que os condomínios são responsáveis pela manutenção e limpeza dos seus contêineres.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação