Superavit na balança

Superavit na balança

postado em 02/03/2016 00:00

A balança comercial teve superavit de US$ 3 bilhões em fevereiro, o melhor resultado para o mês desde 1989, segundo o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic). O resultado reverteu o deficit de US$ 2,8 bilhões no mesmo período de 2015. O diretor de Estatística e Apoio à Exportação do Mdic, Herlon Brandão, informou que o órgão prevê superavit comercial de US$ 35 bilhões neste ano.

Brandão reconheceu que a melhora na balança é resultado tanto da recessão, que fez as importações desabarem, quando da desvalorização do real, que barateou os preços dos produtos brasileiros e ajudou a aumentar as exportações de manufaturados.

Os valores embarcados desses itens cresceram 41,5% em fevereiro, enquanto os de produtos básicos tiveram queda de 0,5%. O principal beneficiário desse movimento foi o setor automotivo. ;Houve aumento de 85,5% no número de veículos enviados para a Argentina, devido à renovação do acordo automotivo;, destacou Brandão.

O diretor informou que os embarques de veículos para o México também cresceram, sendo 140% em quantidade e 96,8% em valor. ;A renovação do acordo automotivo com o México e o bom desempenho da economia mexicana ajudaram as exportaoes ;, afirmou.

As exportações totais do país somaram US$ 13,3 bilhões no mês passado, com alta de 4,6% sobre fevereiro de 2015. Foi o primeiro aumento em 17 meses. Já as importações despencaram 34,6% na mesma base de comparação e somaram US$ 10,3 bilhões, o que resultou no saldo recorde para o mês. (RH)

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação