Dono do Brescia ataca Balotelli

Dono do Brescia ataca Balotelli

postado em 26/11/2019 00:00
 (foto: Christophe Simon/AFP - 13/4/19
)
(foto: Christophe Simon/AFP - 13/4/19 )




O proprietário e presidente do Brescia, Massimo Cellino, deu uma declaração polêmica ao comentar o momento de Mario Balotelli, afastado dos treinos do clube por indisciplina na semana passada. O dirigente fez referência à cor da pele do atacante italiano. ;É negro, está trabalhando para se clarear, mas está com dificuldade;, afirmou o dirigente, ontem, antes do início da entrevista coletiva.

No início do mês, Balotelli foi vítima de injúria racial ao ouvir coros da torcida do Verona em uma partida do Campeonato Italiano. Revoltado, o atacante chutou a bola em direção da arquibancada, ameaçou deixar o gramado, mas acabou convencido pelos companheiros a permanecer. A partida foi interrompida até que o sistema de som do estádio Marcantonio Bentegodi, em Verona, alertasse para que os insultos parassem. Por conta do episódio, o clube teve de jogar contra a Fiorentina com um setor das arquibancadas fechado.

Na semana passada, Balotelli foi afastado pelo treinador Fábio Grosso por parecer pouco interessado e dedicado durante o treinamento. Por isso, o centroavante não foi relacionado para a derrota diante da Roma, no último domingo, por 3 x 0, fora de casa, pelo Campeonato Italiano. O Brescia soma cinco derrotas consecutivas e tem apenas sete pontos em 12 rodadas.




Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação