Brasileiros lideram maiores negociações

Brasileiros lideram maiores negociações

postado em 01/02/2016 00:00
 (foto: Rubens Souza/AGIF/D.A Press - 10/6/14)
(foto: Rubens Souza/AGIF/D.A Press - 10/6/14)



As principais ligas de futebol fecham a janela de transferências do mercado internacional hoje, e os atletas nascidos no Brasil têm dominado as negociações mais caras. Levantamento feito pelo Correio mostra que três jogadores do país figuram na lista das 10 maiores transações ocorridas em janeiro, dois deles, Ramires e Elkeson, nas primeiras colocações.


Ramires, ex-jogador do Chelsea, lidera a relação de forma isolada após a chegada ao Jiangsu Sainty, da China. O meia foi vendido por 28 milhões de euros, aproximadamente R$ 121 milhões. O segundo colocado, o meia-atacante Elkeson (ex-Botafogo), que joga no futebol chinês desde 2013, apenas trocou de camisa e saiu do Guangzhou para o Shanghai por cerca de 10 milhões de euros a menos que o compatriota (R$ 80 milhões).


O domínio dos brasileiros na lista ainda pode aumentar caso avancem as negociações entre o meia Alex Teixeira, do Shakhtar Donetsk, e o Liverpool. O clube inglês corre contra o tempo para comprar o jogador, já que a janela de transferências do país fecha hoje. Se a transação for concretizada e o clube ucraniano aceitar a proposta de 32 milhões de euros pelo atleta, o ex-Vasco da Gama ultrapassará Ramires como a transferência mais cara desta janela.


Único brasileiro da lista a ir para o Velho Continente, Jemerson se transferiu do Atlético-MG para o Monaco, da França, pelo valor de 11 milhões de euros: cerca de R$ 48 milhões. O zagueiro, que será companheiro de clube de Vagner Love, está na sétima posição do levantamento.

Poder de compra

Uma das peculiaridades da lista é a força adquirida pelo mercado da China: das cinco negociações mais caras, o país é responsável por quatro. Os chineses gastaram 74,5 milhões de euros (R$ 322 milhões). Já a Inglaterra, o mercado mais valioso do mundo, utilizou ;apenas; 46,5 milhões (R$ 201 milhões) em quatro das 10 principais compras internacionais. Terror dos clubes brasileiros nesta temporada ; em especial do Corinthians, que perdeu quatro atletas nesta janela ; o mercado chinês fica aberto para negociações até 26 de fevereiro.







Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação