CURTAS

CURTAS

postado em 21/08/2014 00:00
 (foto: Ralph Orlowski/Reuters - 9/9/13 )
(foto: Ralph Orlowski/Reuters - 9/9/13 )

; PORSCHE
Híbrido curinga


Quem for ao Salão do Automóvel de São Paulo, que abre as portas ao público em 30 de outubro, vai conhecer um Porsche curinga. Trata-se do 918 Spyder, um supercarro híbrido lançado mundialmente no ano passado. Ele tem dois motores elétricos: um no eixo traseiro, de 154cv de potência, ligado ao motor a combustão; e outro no eixo dianteiro (de 127cv), independente e com bateria de 6,8kWh. Somando com a potência de 608cv do V8 a gasolina, dá um total combinado de 887cv. O câmbio é o já famoso PDK, de sete velocidades. O motorista pode explorar cinco modos de direção desse conjunto híbrido, desde 100% elétrico até o Hot Lap, que despeja todo o fôlego, acelerando até 100km/h em apenas 2,8 segundos e atingindo 340km/h de máxima.


; AUDI
A3 apimentado


Depois das versões ;normais;, agora é a vez da opção mais brava desembarcar no Brasil. Com o consagrado S (que identifica os modelos mais bravos da marca alemã) junto ao 3, ela tem motor 2.0 Turbo FSI, com duplo sistema de injeção (direta e indireta), que gera 280cv de potência (entre 5.500rpm e 6.200rpm) e 38,7kgfm de torque (entre 1.800rpm e 5.000rpm); câmbio S-Tronic de dupla embreagem e seis velocidades (com opção de trocas manuais junto ao volante); tração integral (sistema quattro), sistema Audi Drive Select, que altera acelerador, direção e câmbio de acordo com as exigências do motorista; Launch Control, que possibilita arrancadas mais radicais, sistema de recuperação Kers, que transforma a energia cinética em elétrica quando se tira o pé do acelerador, e rodas de liga de 18 polegadas. Com toda essa pimenta, ele gasta menos de cinco segundos (4,9s) para chegar aos 100km/h e tem máxima limitada eletronicamente em 250km/h. Preço: R$ 207.980.


"O clima de pessimismo exagerado no período que antecedeu a Copa do Mundo acabou afetando os consumidores. O segundo semestre terá números melhores;

Luiz Moan, presidente da Anfavea, sobre a queda de 17,4% na produção automobílistica no primeiro semestre, quando comparado ao mesmo período de 2013


; FORD
À luz do dia


A nova tecnologia full-LED anunciada pela Ford europeia, que vai equipar pela primeira vez a nova geração do Mondeo, será capaz de gerar uma claridade similar à luz do dia e trabalha em conjunto com faróis adaptativos, que ajustam o ângulo e a intensidade da luz de acordo com as condições em que o veículo trafega. Além da segurança e da precisão, o full-LED usa lâmpadas menores do que as tradicionais, possibilitando mais liberdade de criação aos designers ao definir o formato dos faróis.


; DEFENDER
Nada do DC100


Ao contrário do que se especulava, a próxima geração do Land Rover Defender não será inspirada no conceito DC100 (foto), apresentado no Salão de Frankfurt, em 2011. De acordo com a empresa, o protótipo não servirá de inspiração, pois era ;genérico demais;. O novo Defender, segundo a marca inglesa, atualmente nas mãos do grupo indiano Tata, terá um aspecto mais sofisticado, que talvez não agrade aos mais puristas. Alguns apostam que ele usará a mesma plataforma D7 de alumínio do Range Rover.


; TECNOLOGIA
Apps para carros


Os aplicativos voltados para o setor automobilístico se tornaram tão importantes que ganharam encontro mundial que será realizado de 8 a 11 de setembro em Las Vegas, nos Estados Unidos. Promovido pela Ford, o evento faz parte da Connected Car Expo e da Super Mobility Week, encontros do setor de mobilidade, e pretende reunir desenvolvedores de todo o mundo numa competição (Connected Car-Connected City App Pursuit), cujo vencedor será anunciado no Salão de Las Vegas, de 18 a 20 de novembro, quando serão expostos os trabalhos de todos os finalistas. Eles vão receber dados gerados por veículos da Ford e da cidade de Los Angeles para criar aplicativos inovadores, que, segundo a empresa, melhorem ou redefinam o papel do automóvel dentro da vida conectada.



Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação