Curtas

Curtas

postado em 10/10/2014 00:00
 (foto: Janek Skarzynski/AFP)
(foto: Janek Skarzynski/AFP)

; NORUEGA
ALERTA SOBRE
CASAMENTO
NA INFÂNCIA

Os preparativos para o casamento de uma menina de 12 anos com um homem de 37 causaram grande indignação e rebuliço na Noruega. Marcado para acontecer amanhã, quando é celebrado o Dia Internacional da Menina, o enlace deflagrou um debate sobre o futuro da criança e provocou revolta, sobretudo porque cada passo podia ser acompanhado em blog. Na verdade, não haverá matrimônio. Trata-se de uma campanha desenvolvida pela ONG Girls Not Brides (Garotas, não noivas, em tradução livre) para advertir sobre a situação. Anualmente, calcula-se que 15 milhões de garotas tenham que se casar com homens mais velhos em todo o mundo. ;A cada dois segundos, uma menina menor de 18 anos é casada com pouco ou nenhum poder de decisão sobre isso. O casamento infantil impede o crescimento dessas meninas e mantém suas comunidades pobres;, denuncia a ONG.


; PALESTINOS
GOVERNO DE
UNIÃO SE REÚNE
EM GAZA

O governo de união palestino se reuniu, ontem, em Gaza, pela primeira vez desde a sua formação, em junho, depois de anos de hostilidades entre o movimento radical Hamas, que governa o território, e a Autoridade Palestina, que administra a Cisjordânia. O conselho de ministros tentará transmitir a mensagem de que usará corretamente os fundos destinados à reconstrução da Faixa de Gaza depois da guerra recente com Israel antes da conferência de doadores, que será realizada domingo no Cairo. ;O que vimos é espantoso e doloroso, e nos mostra claramente que reconstruir é a primeira de nossas prioridades;, declarou o primeiro-ministro Rami Hamdallah, após constatar a destruição causada pelos bombardeios israelenses de julho e agosto. ;Deixamos para trás os anos de divisões, e a prioridade deste governo é garantir aos habitantes de Gaza um retorno à normalidade e a união com a Cisjordânia;, afirmou.


; POLÔNIA
CADELA ADOTA
FILHO DE LEÃO
EM ZOOLÓGICO



Abandonado pelos pais, um filhote de leão nascido 11 dias atrás em um pequeno zoológico privado polonês, encontrou o afeto maternal nas patas de uma cadela, que o reuniu aos seus cinco filhotes. ;Desde o início, a mãe não quis amamentá-lo e não se interessava em cuidar do filhote. Seu pai chegou a lambê-lo uma vez, mas também o abandonou. Os animais às vezes abandonam suas crias, assim como os humanos fazem de vez em quando;, declarou à agência France-Presse Krzysztof Zerdzicki, dono de um zoológico privado localizado em Wojciechow, perto de Lublin, no leste da Polônia. ;Assim que eu o peguei nos braços, a leoa veio até mim e encostou sua cabeça como se dissesse ;tome conta dele; e depois ela se afastou;, relatou. Zerdzicki decidiu confiar o leãozinho à cadela, uma Bobtail que, poucos dias antes, teve cinco filhotinhos. ;Primeiro, ela ficou surpresa, mas, logo, aceitou muito bem. Ela cuida dele, lambe, amamenta. Seus irmãos e irmãs também o aceitaram sem problemas;, explica.


Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação