Eixo capital

Eixo capital

Ana maria campos/anacampos.df@dabr.com.br
postado em 23/07/2015 00:00
 (foto: Cadu Gomes/CB/D.A Press)
(foto: Cadu Gomes/CB/D.A Press)

Um gestor para a saúde

Para resolver os problemas na saúde, o governador Rodrigo Rollemberg (PSB) está em busca de um especialista em gestão. Alguém com experiência em administração pública que não tenha as amarras do corporativismo para enfrentar a classe e vença as dificuldades nas licitações e na central de compras. O modelo José Serra no Ministério da Saúde. O principal cotado no fim de semana era o consultor do Senado Fábio Gondim. Ex-diretor de Orçamento do Senado, ele é considerado um especialista em finanças. Mas tem conexões políticas também. Foi secretário de Gestão e Previdência do governo de Roseana Sarney (PMDB) no Maranhão. Depois se candidatou a uma vaga de deputado federal pelo PT, mas não se elegeu e voltou para Brasília, onde nasceu e sempre morou. Se for confirmado no cargo, será mais um secretário da Geração Brasília.




Licenças suspensas

Por causa da crise financeira, a equipe econômica do governador Rodrigo Rollemberg decidiu suspender até o fim deste ano a transformação de licença prêmios em pecúnio. A medida, aprovada pela governança, está causando um estresse entre servidores públicos. Mas é apontada como imprescíndivel.




Goleada

A expectativa entre integrantes do Tribunal de Contas do Distrito Federal é de que tudo pode acontecer na sessão de hoje quando será julgada a situação de Domingos Lamoglia. ;É uma partida entre Alemanha e Holanda;, aposta um integrante da corte. Já no meio político, há a certeza de que sairá hoje a aposentadoria compulsória do conselheiro que está afastado desde dezembro de 2009. O placar, avaliam distritais, será mais no estilo do último jogo entre Brasil e Alemanha.



O que parece ruim pode ser uma boa

Não se pode dizer que, neste momento, a aposentadoria compulsória seja uma pena ruim para Domingos Lamoglia. Pelo contrário. Já na fase de instrução, a denúncia contra o conselheiro, em tramitação no Superior Tribunal de Justiça (STJ), estava a caminho da decisão. A expectativa do ministro Luís Felipe Salomão (foto), relator do processo, era levar a ação penal a julgamento na corte especial até o fim do ano. Com a aposentadoria, Lamoglia perde o foro especial e tudo começa do zero na primeira instância, com possibilidade de recursos e mais recursos.





Xeque-mate

Como num jogo de xadrez, muitas peças devem ser movidas para uma mudança na base aliada de Rodrigo Rollemberg. Primeiro, Domingos Lamoglia deixa o cargo no Tribunal de Contas do DF. Em seguida, Wasny de Roure (PT) ou Dr. Michel (PP) assume a vaga. Cláudio Abrantes (PT), suplente da coligação PT-PP, vira deputado distrital. A Rede Sustentabilidade consegue o registro na Justiça Eleitoral e vira partido oficialmente. Abrantes e Chico Leite migram para a legenda de Marina Silva. Esvaziam, assim, a bancada petista, que passa a contar com apenas dois distritais, Chico Vigilante e Ricardo Vale. Já a Rede será um partido da base de Rollemberg.



Bancada da Marina

A Rede Sustentabilidade, de Marina Silva, que deve virar legenda até setembro, terá uma estreia e tanto na Câmara Legislativa. Deve começar com uma bancada de quatro deputados distritais. Chico Leite (PT), Joe Valle (PDT) e Cláudio Abrantes (PT). A adesão de um quarto integrante ainda está sendo trabalhada. Com apoio de Rollemberg.




Dúvidas e certezas

O deputado distrital Joe Valle (PDT) passou o dia ontem desmentindo rumores de que seria uma espécie de terceira via entre as candidaturas de Wasny de Roure (PT) e Dr. Michel (PP) para o Tribunal de Contas do DF. ;Isso nunca foi cogitado. Vou votar no Wasny;, antecipa Joe. Sobre ir para a Rede, ele é menos enfático: ;Ainda não sei. Por enquanto, estou no PDT;.



À procura

Oficiais de justiça estão atrás do ex-governador Agnelo Queiroz para intimá-lo para defesa prévia e conhecimento oficial de ações de improbidade administrativa que tramitam no Tribunal de Justiça do DF. Esperam a chegada dele a Brasília.








Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação