À espera de Rueda, Fla pega chilenos

À espera de Rueda, Fla pega chilenos

postado em 09/08/2017 00:00
 (foto: Raul Arboleda/AFP - 28/7/16
)
(foto: Raul Arboleda/AFP - 28/7/16 )




De Cali, na Colômbia, um amigo de Reinaldo Rueda disse ontem ao Correio que o treinador disse sim à proposta apresentada na segunda-feira pelo Flamengo após a recusa de Roger Machado. A fonte contou ainda que o treinador campeão da Libertadores em 2017 tem mantido contato por telefone e trocado mensagens com a cúpula rubro-negra. Rueda estava na Europa e cancelou a sequência de viagens que faria pelo continente para retornar a Cali e providenciar a mudança.

Há possibilidade de um emissário rubro-negro ir ao encontro do técnico na Colômbia para sacramentar pessoalmente a contratação do substituto de Zé Ricardo. Além do acerto salarial, há duas pendências importantes: Reinaldo Rueda deseja ficar livre para assumir a Colômbia após a Copa de 2018, ou seja, a questão é se haverá ou não multa rescisória. A outra negociação é para que o Flamengo aceite (ou não) a inclusão de um assistente e de um preparador físico.

Depois da recusa do plano A Roger Machado na segunda-feira, Reinaldo Rueda passou a ser o alvo da diretoria. Um dos impasses é a inclusão de uma cláusula contratual que deixe o treinador livre para assumir a Colômbia caso seja convidado. O treinador é o favorito para suceder José Pekerman na Colômbia após a Copa do Mundo de 2018. Daí ter embarcado para estudar na Europa após deixar o Atlético Nacional.

O treinador tem dois profissionais da sua confiança. O auxiliar Bernardo Redín, que comandou o Atlético Nacional nos 50 dias em que se recuperava da cirurgia no quadril, e o preparador físico Carlos Eduardo Velasco. Ambos deixaram o time colombiano com Reinaldo Rueda. Por sinal, a diretoria do Atlético Nacional chegou a pedir a troca dos dois profissionais. Rueda não aceitou. Esse foi apenas um dos motivos da saída dos três do clube.

Jogo

Em meio a uma semana turbulenta por causa da queda do técnico Zé Ricardo e a expectativa pela chegada do colombiano Reinado Rueda, o Flamengo tem a obrigação de confirmar a classificação para as oitavas de final da Copa Sul-Americana diante do Palestino, do Chile, hoje, às 21h45, na Ilha do Urubu.

Na partida de ida, disputada em Santiago, o time rubro-negro goleou por 5 x 2, placar que facilita a missão dos comandados interinamente por Jayme de Almeida, auxiliar com experiência em assumir a equipe nos momentos de crise. Em uma dessas passagens, levou o Flamengo ao título da Copa do Brasil de 2013. Ele também foi campeão carioca e da Taça Guanabara pelo clube no ano seguinte.






Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação