Papa recebe a Chapecoense

Papa recebe a Chapecoense

postado em 31/08/2017 00:00
 (foto: Osservatore Romano/AFP
)
(foto: Osservatore Romano/AFP )



Depois de terem desembarcado na última terça-feira na Itália visando um amistoso que farão contra a Roma, amanhã, no Estádio Olímpico, os jogadores da Chapecoense foram recebidos ontem pelo papa Francisco em um encontro realizado no Vaticano.

O santo padre deu boas-vindas especiais aos atletas do clube, que em novembro do ano passado foi vítima de um trágico acidente aéreo, em Rio Negro, cidade próxima de Medellín, na Colômbia, que matou quase todos os seus jogadores, além de dirigentes da equipe, tripulantes e vários jornalistas que embarcaram junto com o time A aeronave fretada pelo time caiu com 77 pessoas a bordo da viagem que visava a partida de ida da final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional ; ao todo, 71 pessoas morreram e outras seis sobreviveram.

Na recepção de ontem no Vaticano, o papa expressou sua satisfação por se encontrar com os atletas da equipe e posou para fotos com a equipe no fim do evento. Dois dos três atletas que sobreviveram ao acidente do ano passado, Jackson Follmann e Alan Ruschel marcaram presença à frente da delegação da Chapecoense na Basílica de São Pedro para a audiência semanal do sumo pontífice.

Alan Ruschel era o mais emocionado durante o encontro com o papa Francisco. ;Sinto que houve um milagre em minha vida;, declarou o lateral-esquerdo, que voltou a atuar pela Chapecoense no último dia 7, em amistoso contra o Barcelona no estádio Camp Nou, em Barcelona. ;Estou muito contente por poder voltar a jogar e agora aproveito cada minuto que estou jogando;, afirmou.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação