Artigo

Artigo

Fernando César (professor e coordenador de Língua Portuguesa do Sigma)
postado em 23/09/2019 00:00


Análise do discurso em linguagens

As questões de língua portuguesa do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) integram, com as disciplinas de língua estrangeira, arte, educação física e tecnologias da informação e comunicação, a área de conhecimento linguagens, códigos e suas tecnologias. No Enem, a interpretação de texto é o item mais relevante, não só na parcela de língua portuguesa, mas em todo o exame. Como já sabemos, o Enem é famoso por ser uma prova extensa e com muitos textos. O aluno deve estar preparado para essa maratona de leituras tão apuradas e exigentes.

Quem vai prestar essa prova deve estar com o hábito de leitura em dia e ler além de apostilas preparatórias. É de extrema relevância o contato do aluno com a diversidade de gêneros textuais: gêneros digitais (e-mail, blog, comentário), anúncio publicitário, charge, imagens, tirinhas, resenha, editorial. No Enem, as questões relacionadas com os gêneros surgem de maneira contextualizada, sendo, então, fundamental que o candidato conheça suas características e a intencionalidade de cada um deles nos textos apresentados.

A análise do discurso, outro assunto muito explorado, atém-se à forma como o texto é estruturado e à intenção que ele indica por essa estrutura. Cabe ao aluno ampliar seu repertório de leitura para que possa entender os diferentes tipos textuais, bem como o contexto político-social no qual o texto foi desenvolvido.

Outro aspecto recorrente nas edições mais recentes diz respeito à variação linguística, que analisa o uso da língua nos mais variados contextos. Na prova, sempre destacam-se os contextos em diferentes situações de comunicação para abordar o assunto. O conteúdo sobre funções da linguagem ; habitualmente, caem três ou quatro questões nas provas ; tem estreita relação com variação linguística e gêneros discursivos, remetendo à habilidade 19. Esta exige: ;Analisar a função da linguagem predominante nos textos em situações específicas de interlocução;.

Em termos literários, apesar de não cobrar uma lista específica de livros, o foco do Enem é na abordagem do conhecimento sobre as escolas literárias do Brasil. Além de ter contato com as obras clássicas de cada período literário, é importante que o participante tenha um ponto de vista crítico sobre elas. Não estude só os principais autores da literatura brasileira, mas também relacione-os aos seus respectivos movimentos literários e o contexto histórico de publicação de suas obras. Segue uma lista de autores mais cobrados: Machado de Assis, Carlos Drummond de Andrade, Oswald de Andrade, Clarice Lispector, Cecília Meireles, Guimarães Rosa e Graciliano Ramos.





Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação