360 graus

360 graus

Jane Godoy %u2022 janegodoy.df@dabr.com.br

postado em 24/06/2016 00:00
 (foto: Aureliza Corrêa/Esp. CB/D.A Press-23/5/13)
(foto: Aureliza Corrêa/Esp. CB/D.A Press-23/5/13)





O visagista nato

;quando eu vi, lá estava eu com a tesoura nas mãos cortando cabelos, sem nenhuma formação; e não é que ficava bom?!” Tudo começa, nesta vida, com um ;estalo; que muitas vezes, ninguém consegue explicar. Apenas começa. E continua e segue o seu curso, sempre em busca do que há de melhor. Foi o que aconteceu na vida do hair stylist Cloves Nunes, muito conhecido quando o assunto é beleza.

Ele chegou de São Luís de Montes Belos, no interior de Goiás, em 10 de março de 1981. Abraçou a carreira militar, fazendo parte do Corpo dos Fuzileiros Navais. Até que, quando chegou a hora de partir para a escolha de um curso superior, ;encontrei o segmento da beleza, e tudo foi tomando esse rumo, pois, na época, não existia ainda nível superior em visagismo.;

Decisão tomada
Cloves conta que, sempre que ia aos casamentos da família, como um artista nato, observava as noivas e se encantava (ou não) com a produção e arrumação das madrinhas e convidadas. Ainda na carreira militar, ;vez ou outra eu produzia uma noiva ou cortava uns cabelos, mas só por prazer. Foi quando, resolvi pedir para sair da Marinha, mesmo sem pensar que abraçaria, de vez, a carreira de cabeleireiro, Deus mandou o sopro e eu me deixei levar. Após entrar para a reserva conheci a Bely Ribeiro, que me convidou para ajudar em algumas produções. Resolvi abrir o meu próprio salão. Já estávamos, então, no ano de 1988.;

Quem não tem ou teve, na vida, uma tia querida, daquelas que deixaram marcas importantes na vida da gente? Cloves tem. A ;tia Tiana Nunes;, que era cabeleireira, foi a sua inspiração.

Miss DF
Depois vieram as misses, para povoar a sua carreira já tão próspera. Em 2004, Cloves patrocinou a produção de cabelo e maquiagem das candidatas, enquanto a coordenação era feita por uma pessoa de Uberlândia (MG), que logo após o evento foi embora e deixou a miss eleita sem apoio.

;Aline Coutinho, eleita Miss Brasília 2004, me procurou e providenciei tudo pra ela ir para o Miss Brasil. O diretor do Miss Brasil na época, Boanerges Gaeta, ficou sabendo da situação e me convidou para assumir a coordenação do evento em Brasília. Logo optei por trocar o nome para Miss Distrito Federal. Já em 2005 iniciamos a produção do primeiro concurso;, lembra.

Desde o início a coordenação segue o regulamento do Miss Brasil Universo. As inscritas devem ter no mínimo 1,68m de altura e medidas aproximadas de 90cm de busto, 60cm de cintura e 90cm de quadril.

Não podem ser ou terem sido casadas, ou estar em regime de união estável, não podem ter filhos; e precisam ter entre 18 e 25 anos. Não há exigência de peso mínimo ou máximo. ;São meses de trabalho a fio com a equipe de coordenadores. É como preparar o carnaval ;, destaca Cloves.

Mãe de miss
Famosos em todos os concursos nacionais e, até mesmo internacionais, os cuidados e as corujices das mães das misses geraram até o jargão popular, para identificar aquela que defende, com unhas e dentes, aquelas beldades que, hipersensíveis e nervosas, sonham com o trono, a coroa e o cetro. Cloves admite que existe mesmo o mito da mãe de miss, ;mas nunca tivemos qualquer problema com candidatas ou com as mães delas que comprometesse o concurso;, garante.

Nos concursos mais recentes, a candidata Denise Ribeiro, em 2009, ficou em 3; lugar no Miss Brasil. Lidiane Matos, em 2011; e a Tamires Rodrigues eleita em 2012, ocuparam a 4; colocação no nacional, em seus respectivos anos. Em 2015 a Miss DF Amanda Balbino foi eleita Miss Bee Emotion, destaque dado a partir de uma avaliação de beleza. Vale lembrar que a Miss Brasília 1987, Jaqueline Meireles, foi eleita Miss Brasil.

;Estamos negociando para que, em 2017, o concurso ocorra com toda a pompa e circunstância em Brasília. Precisamos de apoio de empresários da cidade para que consigamos levantar verbas para a execução do evento na cidade;, sugere Cloves, todo animado.



Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação