Grita geral

Grita geral

grita.df@dabr.com.br (cartas: SIG, Quadra 2, Lote 340 / CEP 70.610-901) Sobradinho

postado em 24/07/2017 00:00

Viaturas paradas

Evelyn de Pauta, 15 anos, reclama da falta de policiamento em Sobradinho. Segundo a moradora, que diz ter sido assaltada duas vezes, há grande insegurança entre os moradores, que preferem não transitar pela cidade durante a noite. Evelyn conta que o pouco policiamento que a região administrativa recebe acaba se tornando ineficaz, uma vez que os policiais ficam parados em suas viaturas em pontos específicos. Ela acredita que esse modo de trabalho acaba facilitando a atuação dos bandidos, que se escondem fora da visibilidade dos agentes de segurança.

; A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) respondeu, por meio de nota, que existem várias formas de policiamento, como o patrulhamento e os Pontos de Demonstração(PDs), mas as estratégias são aplicadas em conjunto. O PD consiste em viaturas estacionadas em pontos estratégicos de grande circulação de pessoas e, segundo a polícia, muito contribuem inibindo ações criminosas recorrentes. A PMDF alega que aliada a essa estratégia há também viaturas patrulhando o perímetro para evitar pontos de fuga e a migração da criminosa.



Ceilândia
Acúmulo de lixo

Claudineia Sousa, 40 anos, relata que na EQNP 26/22, em Ceilândia Sul, há grande acúmulo de lixo pelas ruas. Segundo ela, os moradores jogam seus detritos pelas janelas dos prédios e é comum que entulho fique por muito tempo depositado no local. ;É tanto lixo que se acumula atrás dos prédios que praticamente já temos um novo lixão;, reclama a moradora. Ela acrescenta que, à noite, o local vira ponto de venda e consumo de drogas, diminuindo muito a segurança de quem mora por perto.

; Por meio de nota, o Serviço de Limpeza Urbana (SLU) garantiu que enviará uma equipe ao local para verificar a situação e realizar a limpeza e acrescenta que a coleta convencional é realizada toda segunda, quarta e sextas-feira, no período da noite. Também salientam que a coleta mecanizada, com recolhimento de entulho, é realizada semanalmente, no período da manhã. Já a Polícia Militar do Distrito Federal declarou que como o policiamento na área é prejudicado pelo acúmulo de lixo, pedimos que a população entre em contato pelo 190 sempre que observarem pessoas suspeitas na área. ;A abordagem será feita e possíveis crimes poderão ser evitados;, garantiu a corporação em nota.


Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação