Curtas - 24

Curtas - 24

postado em 12/11/2017 00:00
 (foto: Barbara Cabral/Esp. CB/D.A Press)
(foto: Barbara Cabral/Esp. CB/D.A Press)
; Corpo em fossa
MARIDO mata a mulher

Policiais civis prenderam, na tarde de ontem, o autônomo Lucas Dias Costas, 19 anos, sob a acusação de matar a mulher, Letícia Helena Feitosa de Anicésio, da mesma idade, em Anápolis, a 145km de Brasília. Os investigadores oi detiveram após encontrar o corpo da jovem em uma fossa desativada no fundo da casa do casal. Ele confessou o crime. Em depoimento, alegou que ela o teria atacado, tentado golpeá-lo com uma faca de mesa. Em seguida, Lucas deu um golpe mata leão, a imobilizou e a matou por asfixia. Depois, a jogou na fossa, jogou colchão, madeiras, querosene e ateou fogo. Letícia Helena estava desaparecida desde 31 de outubro. Quando familiares questionavam Lucas sobre onde a jovem estava, ele alegava que a havia deixado na rodoviária da cidade e não a viu mais. Na madrugada de ontem, porém, os pais da vítima receberam uma denúncia anônima de que o corpo dela estava na fossa da residência do casal. Os parentes acionaram a Polícia Militar, que junto com voluntários e o Corpo de Bombeiros cavaram a fossa. A 1,5m de profundidade, começaram a encontrar ossos, material genético. Como estava chovendo muito, suspenderam o trabalho, lacraram o ambiente e isolaram o local. As equipes retomaram a escavação às 7h. Logo encontraram esqueleto humano, cabelos compridos e parte das vestes que ela usava e havia sido vista pela última vez. Os investigadores afirmam não ter dúvida de que se trata do corpo de Letícia Helena. Porém, ainda não se pode afirmar oficialmente porque o autor carbonizou a vítima e ainda não há o resultado do exame de DNA ou a identificação pela arcada dentária. O filho do casal, de 1 ano e 11 meses, estava junto com o pai e foi deixado na residência da família dele.


; Crise hídrica
Captação irregular

Durante a operação Água Viva, a Polícia Militar do Distrito Federal realizou duas prisões por captação irregular de água. O objetivo da ação é inibir irregularidades em período de agravamento da crise hídrica. Ela ocorreu na área rural de Sobradinho, sexta-feira. Policiais militares encontraram desvios no curso d;água em uma Área de Proteção Permanente (APP). Os integrantes do Grupamento de Operações do Cerrado foram até duas chácaras da região. Chegando ao local, nas chácaras 44 e 45, foram verificadas irregularidades. Na primeira chácara, o córrego Capão Comprido estava sendo represado com sacos de areia. A água era bombeada e utilizada para a irrigação das hortaliças. Na 45, o mesmo córrego havia sido represado e uma canaleta, que desviava o curso da água, havia sido cavada. O intuito era direcionar o recurso para um poço artificial para ser usado na irrigação. Na segunda chácara, ainda havia uma construção inacabada dentro da área de preservação. Devido às irregularidades, os proprietários das chácaras foram conduzidos para a Delegacia do Meio Ambiente e autuados por crimes ambientais.




; GREVE
Metrô abre hoje

Para não prejudicar os estudantes que fazem, hoje, a segunda prova do Exame Nacional de Ensino Médio (Enem), o Sindicato dos Metroviários do DF decidiu suspender a greve neste domingo. Os trens vão circular pelas 24 estações, entre as 8h e as 19h30. A paralisação parcial será retomada amanhã. Ainda não há previsão de quando os trens voltam a circular normalmente. Nesta segunda, 90% da frota e dos funcionários deverão estar em serviço entre as 6h e as 10h, e das 16h30 às 20h30, por determinação judicial. Nos demais horários, 60% dos veículos e dos trabalhadores precisam manter a circulação. Se o Sindmetrô descumprir, levará multa de R$ 100 mil por dia.


; Ceilândia
Assalto com reféns

Uma equipe de policiais militares encontrou 11 funcionários de uma empresa de distribuição mantidos reféns, na noite de sexta-feira, em Ceilândia Norte. As vítimas ficaram em domínio de um grupo de cinco criminosos durante, ao menos, uma hora e meia. Os PMs conseguiram prender todos os em fragrante e encontraram uma pessoa com um ferimento na cabeça. Entre os suspeitos, havia um adolescente de 17 anos que portava um revólver calibre.38. Após a abordagem, os militares encaminharam o jovem à Delegacia da Criança e do Adolescente. Os outros quatro acusados estão presos na 24; Delegacia de Polícia de Ceilândia. O funcionário ferido foi levado ao Hospital Regional de Ceilândia. Todos os pertences das vítimas, como dinheiro, joias, carros e celulares, foram devolvidos.


; Saúde
Reforço contra dengue

Por conta do tardio início das chuvas e com a probabilidade do possível aumento de incidência do mosquito Aedes Aegypti em todo o Distrito Federal, o GDF deve intensificar os trabalhos para combater a transmissão da dengue, assim como do zika vírus e da febre chikungunya. Segundo informações da Vigilância Ambiental, da Secretaria de Saúde, 501 agentes serão enviados para fazer vistoria e dar conselhos a moradores de todas as regiões administrativas do DF. Como de costume, as visitas em domicílio acontecem durante todo o ano. Além dos agentes, cerca de 30 bombeiros complementam a ação. Nas próximas semanas, mais uma campanha será lançada para envolver a população no combate à dengue. A Secretaria também pretende retornar com dois trabalhos de conscientização em 250 escolas pelo DF em conjunto com a Companhia de Saneamento Ambiental do DF (Caesb) e a Secretaria de Educação, por meio das ações Escola sem Mosquito e Mensageiros da Água.






Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação