Olha o passarinho!

Olha o passarinho!

Por Márcio Cotrim
postado em 17/05/2015 00:00

Quando a fotografia foi inventada, a impressão da imagem não se dava com a mesma rapidez dos dias de hoje. Naquela época ; metade do século 19 ; , os fotografados eram obrigados a ficar parados por cerca de 15 minutos a fim de que sua figura fosse impressa dentro da máquina.

Deixar as crianças imóveis por tanto tempo era verdadeiro desafio para os fotógrafos. Por isso, providenciavam-se gaiolas com pássaros que ficavam pendurados atrás dos fotógrafos, o que chamava a atenção dos pequenos. Assim, a expressão Olha o passarinho! ficou conhecida como a frase dita pelo fotógrafo na hora da pose para a foto. Atualmente, usam-se outras formas igualmente divertidas para atrair a atenção. Por exemplo, gritar ABACAXI, com ênfase na última sílaba, para descontrair o fotografado. Também há quem prefira dizer um XIS bem esticado para conseguir melhor efeito...

BAYEUX ; Antigamente, próximo à capital da Paraíba, existia um povoado chamado Baralho, mais tarde Barreiras, e atualmente Bayeux. A mudança de nome atendeu a uma sugestão de Assis Chateaubriand encaminhada ao então interventor Rui Carneiro e por ele adotada, em 1944. Tratava-se de uma homenagem à França, pois essa foi sua primeira cidade libertada da ocupação alemã na II Guerra Mundial. Bem a propósito, a praça principal da cidade chama-se Seis de Junho, data da invasão aliada à Normandia e cópia fiel da praça da Bayeux francesa, como ensina o professor paraibano Vicente da Costa Alves. O município é o 5; maior da Paraíba, com seus 85 mil habitantes, e é lá que se situa o principal aeroporto do estado. Como referência, cabe assinalar que no bairro carioca do Grajaú há uma praça Verdun, lembrando a resistência francesa contra os alemães na maior batalha da I Guerra Mundial, ocorrida entre fevereiro e dezembro de 1916 ; que deixou 700 mil baixas! Também existe, ainda no Rio de Janeiro, uma rua Marechal Joffre, alusão ao comandante das forças francesas em 1914. Aliás, ele era tão famoso aqui que muitos brasileiros foram batizados com o seu nome, como o boxeador Eder Jofre e o jornalista Jofre Rodrigues, irmão do antológico tricolor Nelson Rodrigues. Para completar a informação, recordemos que, quando a I Guerra terminou, em 1918, houve festas no Brasil inteiro, com Marselhesa e tudo...

PECADO ; A palavra tem seu berço no latim peccatus, que originalmente queria dizer pisar em falso, tropeçar (vindo de pes, pé), seu sentido estendendo-se aos maus passos que alguém deu ou dá em relação à moral, ética e decência. Nos dias de hoje, em que a epidêmica devassidão de costumes faz lembrar Sodoma e Gomorra, o pecado abunda, praticado urbi et orbi. Há quem diga, como defendem certas religiões, que estamos às vésperas do fim dos tempos com a segunda vinda de Cristo, talvez novamente fazendo surgir outra estátua de sal no horizonte, consequência de pecado cometido por uma moderna esposa de Ló...

MARACUJÁ & CARAMBOLA ; Quando os jesuítas chegaram à América, observaram que a flor do mburucuyá ; nome indígena do maracujá tinha 5 estames ; que identificaram com os cravos pregados na cruz de Cristo, e filamentos que fizeram corresponder à coroa de espinhos. Por essa razão, a chamaram em latim de flor passionis e em espanhol passionaria. Devido à sua estrutura floral lembrar a coroa de espinhos usada por Cristo, essa fruta recebe o nome de martírios em Portugal, passion fruit na língua inglesa, fruit de la passion em francês e frutto della passione em italiano. E por falar em fruta, a nossa carambola, pela analogia de seu formato lateral, recebe, em inglês, o nome de starfruit. Repare bem...

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação