Destemor e persistência

Destemor e persistência

postado em 14/07/2017 00:00
 (foto: AFP)
(foto: AFP)

Depois que os tanques de guerra chineses atropelaram estudantes na Praça Tiananmen, em 4 de junho de 1989, Liu Xiaobo não esmoreceu. Dias antes, em reação ao endurecimento do regime, o ativista havia iniciado uma greve de fome na célebre esplanada de Pequim, acompanhado do cantor Hou Dejian e dos intelectuais Zhou Dou e Gao Xin. Em uma declaração pública, o movimento democrático da praça de Tiananmen, do qual Liu fazia parte, afirmou: ;Preferimos ter dez diabos que se controlam mutuamente do que um anjo que dispõe do poder absoluto;. No texto, o grupo criticou estudantes que tinham se esquecido dos ideais democráticos da luta.

Durante o Massacre da Paz Celestial, Liu e os colegas se ofereceram para mediar a crise e tentar a retirada pacífica dos estudantes da Praça Tiananmen. A verve da democracia pulsava no dissidente, que acabara de retornar dos Estados Unidos, onde lecionou na Universidade de Columbia. Crítico em relação aos valores tradicionais chineses sobre a obediência ao poder, Liu foi capturado pelas forças de Pequim, após a violenta repressão ao movimento, e passou um ano e meio na prisão sem jamais ter sido condenado.

Entre 1996 e 1999, depois de exigir uma reforma política e a libertação dos presos em 1989, foi enviado a um campo de ;reeducação pelo trabalho;. Demitido da Universidade Normal de Pequim, filiou-se ao Centro Independente Pen China, grupo de escritores comprometidos com a democracia. Por ocasião do 60; aniversário da Declaração dos Direitos Humanos, nove anos atrás, foi um dos autores da Carta 08, texto que pede respeito aos direitos humanos e à liberdade de expressão e a convocação de eleições num ;país livre, democrático e constitucional;. Pelo manifesto, tornou a ser condenado, em dezembro de 2009, a 11 anos de prisão. A última aparição foi em foto que o mostrava em estado terminal.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação